[ editar artigo]

Enquadre clínico (2): falhas do terapeuta.

Enquadre clínico (2): falhas do terapeuta.

Este artigo é uma resposta a um comentário a respeito do artigo Enquadre Clinico que publiquei antes. Leia ele primeiro.

.

Eis o  comentário da aluna: Oi Sônia no meu caso foi ao contrário minha terapeuta que faltava muito . meu atendimento era na segunda feira e percebia que ela estava cansada. compreendia o cansaço. Mais não as faltas .meus pagamentos estavam atrasados pois foi um dos motivos que procurei a terapia dificuldades de me manter no trabalho. Perguntei a ela se era esse o motivo de suas faltas e ela se sentiu ofendida e me disse que agi sem ética. Encerramos o tratamento de 1 ano . Tenho gratidão por ela. Mais ela tinha o ego elevado.

 

REFLEXÕES DE SONIA NOVINSKY

 Querida aluna, sim, pode ser bastante traumático para o paciente se o terapeuta falta muito, principalmente se o paciente tem alguma ferida de abandono e negligencia. Porque acaba re-traumatizando e ampliando a ferida. Faz parte do enquadre a gente saber o cliente que a gente pode pedir pra mudar um horário, ou que pode faltar, ou que realmente precisamos fazer um sacrifício e atender ou mesmo avisar com muita antecedência se se vai faltar. Foi ótimo o comentário porque nos trouxe esta questão do enquadre relativo a posturas do terapeuta. Enquadre em resumo é pensar: o que meu paciente pode tolerar, que cuidados tenho que ter para não retraumatiza-lo? As vezes pode ser terapêutico cancelar uma sessão, e a falha do terapeuta pode ser terapêutica, tudo depende da relação que se tem com paciente, e o que ele precisa. Se ele precisa aumentar a resiliência por exemplo e já tem algum inicio de fortalecimento, pode ser boa a falta do analista. Alias, o erro do analista pode ser muito terapêutico. Saber que o terapeuta é humano e erra, pode aumentar a potência do paciente que se sente forte, capaz, aumenta sua auto estima. Para isso é importante que o terapeuta reconheça seu erro. Enfim, o enquadre é esta aventura. Podemos errar como terapeutas em muitos momentos e usar este erro. Alias Winnicott tem exemplo disso no seu atendimento ( Holding e Interpretação), e Milton Erikson também tem, ele me ensinou, use tudo, tudo que acontece vc pode usar em beneficio do cliente. Mas tudo isto tem que acontecer na sessão. O perigo que eu vejo é quando o paciente e o terapeuta começam a falar de sua relação de erros e acertos por whats app, aí não há enquadre, e se perde a possibilidade de uso do erro, de confissão do erro, enfim, de salvar a relação terapêutica, porque se começa uma discussão fora do ambiente terapêutico. Aconselho a todos a usarem o mínimo o whats. Apenas para acolher o paciente num momento trágico dele que precise. Eu aprendi errando muito no whats. É uma tentação usar o whats como se fosse uma sessão mas não é. Mesmo eu acho bastante problemático o paciente avisar que não vai por whats, ou mesmo o terapeuta avisar que não vai atender por whats. As emoções decorrentes no paciente e no terapeuta estão fora de enquadre. Alguém já sentiu o problema que decorre daí? Muito mais para falar sobre enquadre. O enquadre se dá na sessão, e a protege. É um lugar que se pode viver tudo porque é um espaço fora da realidade, um espaço em que as fantasias, a imaginação pode se soltar. No caso da sua terapeuta, aluna querida, vocês estavam na sessão quando vc perguntou se ela faltava por causa que vc estava atrasando os pagamentos? Se foi na sessão, foi uma pena, porque ela perdeu a possibilidade de mostrar a sua culpa, que remete a eventos passados. Agora se foi no whats, realmente você deveria esperar e colocar esta pergunta durante a sessão. Onde o enquadre protege o terapeuta e ele não precisa se sentir ofendido. Agora faz parte do enquadre e eu vou conversar isso com vocês também, o contrato terapêutico. E nele, que pode ser apenas verbal e pode ser revisto a qualquer momento, se as duas partes concordam, nele, está descrito qual o pagamento e como ele é feito. O combinado é sagrado e não pode ser mudado a não ser por um contrato de emergencia se a pessoa está desempregada. Aí tem que se combinar, que se vai fazer as sessões e serão pagas só quando tiver um trabalho. Pode-se dar um prazo, faremos 6 meses de sessões sem pagamento ou se pode combinar que serão parceladas, tudo depende do que se combina. Se há alguma ambiguidade no combinado, como de fato houve no seu caso, aluna querida, dá margem a esta culpa que vc ficou que te levou a fantasiar que ela faltava porque vc não pagava. Ego todos temos, o contrato evita bastante que os egos se machuquem uns aos outros. Temos que perdoar as pessoas, quando se sentem atacadas e contra atacam, como ela fez, te acusou e interrompeu o processo. Gosto bastante no que se refere a questão do pagamento das sessões do enquadre lacaniano que é bem lógico. Estamos fazendo uma sessão, onde eu lhe dou meu serviço, você me dá seu dinheiro. Esta troca nos deixa liberados um em relação ao outro, sem culpas, sem ressentimentos, sem fantasias. Então a sessão tem que ser paga no ato, em cash. Eu não tenho que ter sequelas e você também não. A sessão se encerra e ninguém pode dever nada a ninguém do mundo compartilhado finda a sessão. Eu acho que este enquadre embora rígido, tem bastante vantagens para o prolongamento da relação.  Mas como todas as regras precisa ter uma flexibilidade para acolher exceções. Não sou lacaniana e não sei como procedem com as exceções emergenciais. Tranquilizem-se porque minha clinica sobrevive e eu nunca consegui impor este enquadre. Numa economia como a nossa e numa cultura como a nossa, eu acho que temos que ser mais flexíveis e eu sou bastante.  Talvez até um pouco em excesso. Como disse no outro artigo, já errei muito. 

Enfim, minha aluna querida, perdoar a ela e a si mesmo é importante neste caso, fazer mesmo um EFT para este evento é legal. Espero que você não desista de fazer sua terapia. Ë muito importante ser paciente para ser um bom terapeuta depois se for esta sua meta.

Obrigada aluna que me permitiu esclarecer estes pensamentos para vocês. 

beijos

Sonia

 

TODAS AS INFORMAÇÕES SOBRE OS CONTEÚDOS E PREÇOS DOS NOSSOS CURSOS ESTÃO AQUI 

ACADEMIA CLINICA
Sonia Novinsky
Sonia Novinsky Seguir

Psicoterapeuta . Diretora do Centro Gary Craig de Treinamento em EFT Oficial no Brasil. Atendimento on line e presencial. Supervisão em grupo para EFT Oficial ( tapping e Optimal). Práticas grupais de EFT. Contatos pelo whats: 11999941415

Ler matéria completa
Indicados para você