{{ warning.message }} Ver detalhes
Post
Link
Pergunta
EFT como prática de limpeza emocional diária
[editar artigo]

EFT como prática de limpeza emocional diária

Quando vou explicar o que é a EFT para as pessoas, gosto de usar o seguinte paralelo, que eu não sei dizer ao certo se criei ou se ouvi de alguém em algum momento:

"Os nossos pais, na nossa cultura de país tropical, nos ensinaram deste pequenos que devemos tomar banho e escovar os dentes todos os dias e lavar o cabelo algumas vezes por semana. Mas eles não nos ensinaram, por não saberem, que também precisamos fazer uma limpeza diária das nossas emoções. Por não termos este conhecimento, fomos acumulando camadas e mais camadas de sujeira, verdadeiras crostas endurecidas. Imagina o tanto de sujeira emocional que você tem acumulado ao longo de todos estes anos!"

De maneira geral, as pessoas me olham perplexas, reflexivas, sem resposta. Em geral só dizem uma ou 2 palavras indicando que concordam ou simplesmente balançam a cabeça, com cara de que nunca tinham parado para pensar naquilo.

Daí explico o que é a EFT, o Procedimento da Paz Pessoal, que todas as doenças e bloqueios em nossas vidas tem sua origem numa emoção negativa e como a EFT pode promover este trabalho de limpeza. Em seguida digo que todas as noites antes de dormir faço minha limpeza diária dos eventos que me chatearam naquele dia e limpo pelo menos mais uma questão do meu passado. 

Também explico que a EFT não é a "pílula mágica", que vai fazer a limpeza emocional toda de uma vez. Há camadas e camadas de sujeira, que precisam ser retiradas assim como retiramos camadas da casca de uma cebola. Mas com a EFT podemos obter resultados duradouros e muito mais rápidos do que outras formas de terapia, como a psicologia tradicional.

Esta abordagem tem me ajudado a explicar a utilidade da EFT e a conquistar novos clientes.

Anna Carolina Ferreira da Rocha

Anna Carolina Ferreira da Rocha

Terapeuta de EFT e Optimal EFT Brasília - DF

Fique informado sobre as novidades da comunidade
Cadastre-se aqui
Gostou desse artigo? Escreva o seu também!
Nova publicação

Artigos relacionados

Continue lendo!

Cadastre-se gratuitamente e tenha acesso
aos conteúdos exclusivos.

Entrar