[ editar artigo]

Vamos junto em 2019?

Vamos junto em 2019?

Meus queridos,

Queria agradecer a todos que tem lido o que escrevo e visto meus vídeos e por todos os comentários, feedbacks, depoimentos, artigos postados, perguntas postadas.

Tenho tentado estar o mais presente possível aqui na Academia Clínica, ajudando, respondendo, transmitindo minha experiência clínica. Gostaria de verdade que vocês escrevessem mais seus casos de sucessos ou de desafios.

O que é mais útil é podermos pensar nos nossos casos que parecem que não caminham e tentar tirar alguns ensinamentos desses atendimentos que parecem que não chegam no objetivo. Convido vocês a fazerem isso aqui na academia comigo e com os demais participantes. Sinto que muitos  terapeutas que atendem com EFT ou outros métodos, por não estarem dentro do canal oficial da psicologia clínica com diploma universitário e pertencimento acadêmico, ficam muito hesitantes em se expor e ou me pedem para postar seus casos ou simplesmente não querem aparecer.

Eu sei que é delicado contar casos de pacientes pois eles podem chegar a ver exposto seu caso, uma vez que a academia clínica é de livre acesso. Por isso vocês podem postar de forma anônima sempre que quiserem. Mas os benefícios de pensarmos juntos sobre os desafios clínicos me parece de uma riqueza enorme. E naturalmente os nomes dos pacientes são sempre omitidos.

Refletir sobre nossa prática clínica e comunicar os pensamentos sobre o que funcionou e o que não funcionou, o que se aprendeu e os caminhos novos que se imagina é  precioso para o desenvolvimento de cada um de nós e para a evolução do campo da clínica brasileira.

Eu convivo bastante com os atendimentos na cultura americana e na cultura brasileira e isso me permite ver que simplesmente copiar métodos europeus, asiáticos ou americanos e trazer para cá é muito restrito. Nossa cultura exige uma matriz clínica bastante particular, além das exigências da singularidade de cada pessoa.

O que chamamos de acolhimento na nossa cultura é muito mais intenso, por exemplo, do que o acolhimento que um terapeuta nos Estados Unidos pratica. Não vai nenhum julgamento nisso. O nível de entrega do paciente também demanda do terapeuta um comprometimento maior em termos afetivos. Isso nos coloca um grande desafio de como manter um enquadre saudável, como colocar limites, como manter a relação empática em comunidade de destino, preservando a integridade dos membros do par terapêutico.

Apenas um exemplo de como precisamos criar formas de atendimentos eficientes na nossa cultura brasileira. Eu fiz psicanálise como paciente durante muitos anos e a psicanalista era uma pessoa muito estudada, muito séria, muito dedicada, mas sua forma kleiniana de atender me oprimiu e me deprimiu. Depois de sete anos eu estava muito pior do que quando comecei. Era a abordagem kleiniana que como que me re-traumatizava ano após ano. A técnica kleiniana como que repetia uma situação que vivi na família. Por que não deixei antes? Justamente porque me apeguei a esta psicanalista de uma forma adoecida, transferi para ela o apego parental, contraditório, cheio de medos e que não me proporcionava nenhuma autonomia. Não há culpados. Não julgo. Apenas considero que a técnica kleiniana não se adequava à minha dor e às minhas defesas.

O mais engraçado é que foi um método também americano, a Bioenergética, que me ajudou muito a escapar desta armadilha. Talvez por ser um trabalho corporal tinha mais a ver com nossa cultura tropical e me ajudou a encarnar em minha corporeidade e me enraizar na realidade e na minha alma. Mas também a própria Bioenergética, como depois o EFT, que também foi importante na minha evolução, precisam passar por nosso filtro cultural além, é  lógico, de sua aplicação precisar passar também por um filtro pessoal. A abordagem clínica de Gilberto Safra contempla estes cuidados de adaptação e respeito à singularidade do paciente e à cultura em que vive. Vale muito a pena estuda-lo com carinho. Há muitos dvds e cds de suas aulas disponíveis e posso orientar quem precisar.

Cada um de nós tem uma visão do atendimento clínico particular. O que é atender? Qual a meta do atendimento? Ao atender prestamos um serviço demandado por nosso cliente? Isso define a clínica? O que você pensa do atendimento clínico? Tirar a dor do cliente? Ajudá-lo a chegar no seu objetivo?

É importante cada um de nós responder esta pergunta para nos prepararmos para o próximo ano de atendimentos clínicos. Se quiserem saber a minha resposta, vou dar alguns poucos elementos de minha visão da minha missão clínica. Não vejo a clínica como uma prestação de serviços, como uma consultoria. Para mim a clínica é um trabalho de formação do cliente. Formação no sentido de que ele possa chegar a se sentir unido a todos humanos, aos animais, aos vegetais, aos minerais, às coisas, consciente que somos parte de uma Presença maior que nos sustenta e nos protege, se permitimos. Se um paciente quer da terapia apenas aumentar sua riqueza material, ele pode até conseguir uma maior estabilidade financeira, mas minha meta será ele encontrar o lugar da riqueza material dentro de um projeto de unidade e cuidado com todos e tudo.

Sermos saudáveis, melhorar nossos adoecimentos psicossomáticos passa por nos conhecermos enquanto singularidade e enquanto condição humana de ser, compartilhada com todos, onde o sofrimento tem seu lugar, como a alegria e a dor. Não há como eliminá-los mas há como dar um rumo para eles para que venham a contribuir para a Beleza, o Bem e a Verdade, que é nossa essência. E desta forma o sofrer sai do padrão da agonia infinita e solitária e nos coloca em caminho compartilhado.

Que seja um ano em que clientes potenciais e terapeutas possam se encontrar na Academia Clínica para maior paz interior de todos. Compareçam, escrevam, divulguem.

Beijos a todos,
Sonia

TODAS AS INFORMAÇÕES SOBRE OS CONTEÚDOS E PREÇOS DOS NOSSOS CURSOS ESTÃO AQUI
E APROVEITE PARA SE INSCREVER AGORA, COM OS GRANDES DESCONTOS DA PROMOÇÃO NATAL/ANO NOVO! 

 

ACADEMIA CLINICA
Sonia Novinsky
Sonia Novinsky Seguir

Psicoterapeuta . Diretora do Centro Gary Craig de Treinamento em EFT Oficial no Brasil. Atendimento on line e presencial. Supervisão em grupo para EFT Oficial ( tapping e Optimal). Práticas grupais de EFT. Contatos pelo whats: 11999941415

Ler matéria completa
Indicados para você